Por mais amizades baseadas em prints

por Mariana Zirondi

Uma amiga decidiu que, para se preservar das decepções causadas pelos caras que fazem o semáforo e alternam entre o vermelho e o verde, ela vai fazer o amarelo e não se pronunciar mais sobre o assunto. Ela não fala mais nada sobre possíveis crushes, curtidas aleatórias, ‘oi sumida’, dates marcados, dates frustrados, dates evitados. Nenhuma palavra sobre a vida amorosa, sobre coisas que não dão certo, sobre possibilidades ou decepções. Inicialmente achei prudente e pensei: ‘tem razão, afinal a expectativa é mesmo uma bosta’. Foi então que esses dias ela me disse: ‘quando eu namorar, te conto’. Mudei de ideia.

Que graça tem saber que ela está namorando se simplesmente não stalkeamos a mãe dele para ver as fotos constrangedoras que apenas as mães postam? Ou não ter nenhum print salvo no celular para dizer “mas também depois disso que ele falou, só poderia acabar em namoro”. Ou então me lembrar do começo e pensar que ‘poxa, o destino é mesmo engraçado, quem diria que isso acabaria em namoro’. Não podemos, é claro, deixar de ressaltar aquele momento em que seu coração dispara junto com o da amiga porque mesmo achando que tinha acabado, não é que o boy voltou todo dedicado?

A tal da expectativa talvez seja sempre essa grande chance de provar para si mesmo que as coisas podem ser muito melhores ou muito piores do que você imaginou. Mas existe uma outra coisinha chamada parceria que só as amizades baseadas em prints podem te oferecer.

Quem nunca leu a mensagem e primeiro printou, encaminhou, esperou o retorno, e aí sim respondeu? Quem nunca gravou áudio de cinco minutos contando os detalhes que merecem ser analisados com cautela para se chegar a suposições do por quê ele disse aquilo? Quem nunca stalkeou a suposta concorrência, monitorou os lugares que frequenta e, ainda por cima, visualizou um story sem querer? Quem nunca suspirou junto com a amiga, torceu para dar certo, se aliviou que deu errado, se revoltou com o caso azarado, apontou defeitos e disse “você não merece isso”?

Só quem tem amiga sabe quando o riso frouxo aponta no rosto bobo porque ela encontrou aquele amor que vocês tanto esperaram. A torcida em equipe é maior, mais bonita, mais colorida. A decepção em equipe é repartida, diluída, enfraquecida. Viver a expectativa é dar uma oportunidade para o começo, meio e fim das histórias. Ou então dar começo, meio, pedido de casamento, vestido de madrinha, geladeira para a cozinha.

Decidi que não conto mais nada também. Ela chamou de vingança, eu chamei de ‘por favor volta a me contar tudo’, porque não existe nada melhor que sorrir e chorar juntas as emoções que a tal da expectativa nos proporciona. Afinal, sem ela, pouca coisa teria tanta graça. 

2 comentários em “Por mais amizades baseadas em prints

  1. Sonhei com o dia em que pararia de marcar você em textões que eram a nossa cara, para poder ler os que realmente são a gente. Sim, pessoal: Eu sou a amiga do textão! Eu também duvidei que as pessoas dos textos que tanto nos identificávamos, realmente existiam. Que as frases tão bem colocadas, não eram apenas junções de palavras para serem lidas e vendáveis. Pois bem, elas existem! Existem tanto, que toda vez que leio esse texto, eu revivo esse momento, um daqueles que a gente se arrepende da decisão tomada, mas só bem mais tarde. Eu recebi esse texto pelo whatsapp, depois de chorar um pouco e discutirmos outro tanto, não mudei de ideia, mas implorei para que o mundo todo fora do whatsapp pudesse ler e então, talvez, ter a chance da mudança de opinião, antes do arrependimento. Não, ela não aceitou prontamente, mas hoje podemos brindar essa escolha de compartilhar tantas palavras maravilhosas com o mundo. Todo sucesso do mundo, amiga. E obrigada por esse (meu) textão.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s