A vida flui melhor quando caminha sozinha

por Mariana Zirondi

Você vai acordar, em uma bela quinta-feira, bem atrasada. Vai levantar correndo da cama, desacreditada que a noite passou tão rápido. E então vai vestir uma calça jeans daquelas que fica no fundo da gaveta, porque a sua favorita está molhada no varal, e decidirá desenterrar uma blusa que não usa há muito tempo.

Vestindo tudo isso, vai dar uma ajeitada no cabelo porque não deu tempo de lavar, e dar uma enganada na maquiagem para que a cara de cansada não fique tão evidente. Chegará ao ponto de ônibus um pouco esbaforida, mas também otimista, de que vai cumprir o horário.

O dia seguirá normalmente. Até que, nesse episódio inédito da série que é a sua vida, o roteiro vai se transformar completamente, surpreendendo os espectadores que estavam ali distraídos entre uma mensagem e outra no celular.

Os olhos de alguém vão cruzar os seus pela primeira vez e você não vai entender como pôde ter vivido sem aquilo por tanto tempo. Completamente fora do seu controle, você vai ganhar de presente uma pessoa que nem sabia que existe, mas que não poderá mais imaginar sua vida sem ela. E você vai querer ouvir o despertador tocando de novo só para viver aquele exato momento mais uma vez.

Talvez as melhores coisas, as mais inesquecíveis, aconteçam quando você estava focada em outras coisas, sem expectativas. Ou então distraída tentando seguir em frente, meio desiludida, fingindo esquecer o que deu errado.

Mas pode ser, também, que nada disso aconteça. Que você levante da cama e esteja linda sem lavar o cabelo mesmo. Chegue no horário, recompensando a correria até o ponto de ônibus, e perceba que as roupas antigas seguem vestindo muito bem. E o cansaço? Esse vai sempre existir quando se levanta ao som de um despertador.

A vida flui melhor quando a gente deixa que ela caminhe sozinha. Tentar controlar os minutos só faz os segundos passarem mais devagar. Por isso, desfrute os encontros que ganhar de presente, mas aprecie a vista enquanto não encontrar ninguém, porque isso também pode ser libertador.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s